conquista

Game Over

22:31Huiolla Ribeiro


Não importa o idioma ou o lugar do planeta, um fim de namoro é tão dolorido quanto prender o dedo na porta ou dar uma topada numa pedra. Dói pra caramba! Você convive muito tempo com uma pessoa, vive histórias lindas e românticas, faz juras de amor, gasta tempo, dinheiro, desperta o monstro verde do ciúme, dá presente, escreve cartas, sonha acordada, constrói um amor e carinho pra aí, em um belo dia, você acordar pimba! Um bisa na bola, brigas pra lá ciúme pra cá,  um dos dois ou os dois percebem que não dá mais certo e pronto. É o fim. 

Nessas horas nada de chorar vendo filmes de comédia romântica no sofá da sala com todas as cortinas fechadas se entupindo de sorvete e chocolate, ou perder horas e horas do precioso sono da beleza pensando em como tudo poderia ter sido diferente. Nada de ensopar o coitado do seu travesseiro durante a noite ou de atormentar as melhores amigas com todo aquele drama pós termino. 

Pra te ajudar, aí vão 8 dicas pra você superar o fim do namoro:



  1. Não é o fim do mundo. Lembre-se que Ninguém morre de amor. Morre de febre maculosa, de peste negra, de intoxicação alimentar agravada por infecção hospitalar… Mas de amor, não. Pense no fim como uma nova experiencia uma forma de crescer.
  2. Desintoxicação. Sabe todas aquelas histórias que vocês viveram? Deixe para revive-las daqui a alguns meses. Agora é hora de excluir as mensagens que vocês trocaram (enviadas e recebidas), de apagar as fotos do seu mural de casa e do facebook/instagram/twitter e de qualquer rede social. Não precisa jogar os presentes fora nem mesmo devolve-los se você não quiser, só guarde em algum lugar que você não alcance pra que não corra pra ele naqueles momentos nostálgicos e de saudade. Esconda ou exclua tudo o que possa lembrar o(a) ex.
  3. Ocupe-se. Quando sentir que está caindo na deprê corra e faça outra coisa. Leia um livro ou uma revista, tire fotos, ligue pra melhor amiga, coloque uma música animada, faça algum exercício físico, dê uma reforçada nos estudos daquela matéria da escola que você tem dificuldade, faça qualquer coisa que te mantenha com o corpo e mente ocupada.

  4. Invista no que te deixa feliz. Se você adora ir a biblioteca ou se estava louca pra ir a um show ou de sair pra fazer compras ou de ir pra balada essa é a hora. Vale até fazer uma lista das coisas que você mais gosta de fazer. O importante é se sentir feliz.

  5. Conheça pessoas novas. Não necessariamente outros caras. Faça amizades diferentes, fale de coisas que você nunca conversou com alguém antes. Deixe de lado aquela besteira que te fez parar de conversar com aquela antiga amiga ou amigo. Mude seus horizontes para que a vida coloque no seu caminho algo inesperado.

  6. Mude.  Existe uma pessoa importantíssima com a qual você deve se preocupar – e muito: você. Cuide-se. Vá ao dentista, à academia, à manicure… Esse é o momento de realizar todas as coisas que ficou adiando. Brincar de fazer mudanças é sempre divertido. Que tal cortar ou pintar o cabelo, mudar a franja de lado, comprar um roupa nova e tirar do armário aquele sapato que você nunca mais usou? Vale mudar a decoração do quarto customizar aquela roupa meio velha... Fica bem mais fácil mudar quando nos sentimos diferentes, as vezes só é preciso um empurrãozinho.

  7. Desabafe. Agora que você se sente bem melhor e consegue enxergar as coisas de um outro modo que tal dividir suas experiencias? Vale desabafar com as amigas, num blog ou até pra si mesma. Reveja tudo o que você viveu o que levou vocês a chegarem até ali e o que faria de diferente pra melhorar as coisas. Mas nada de fazer com que isso seja um túnel do tempo ao antigo namoro.

  8. Não se esqueça. Existem outras 7 Bilhões de pessoas no mundo, então acredite, você não vai ficar sozinha pra sempre. Coisas ruins acontecem pra que possam vir momentos melhores. O sofrimento não vai durar pra sempre, um dia você vai acordar e vai se sentir muito melhor, pode demorar ou não, mas não se esqueça de se dar o valor que você sabe que merece. Não vale a pena borrar a maquiagem por alguém que não te merece, certo?



You Might Also Like

0 comentários

Educação é tudo.

Popular Posts

Tumblr

Formulário de contato